Sistema de Ensino: qual a importância dele para seus filhos?

Ao escolher a escola ideal para a educação de seus filhos, é importante que você avalie diferentes fatores, de modo que a adaptação deles e o processo de aprendizado sejam aproveitados com qualidade. O Sistema de Ensino, por exemplo, é um item muito relevante a se considerar diante da necessidade de tomar uma decisão.

Seja nas etapas de educação infantil, fundamental ou ensino médio, todos os sistemas de ensino regularizados perante o Ministério da Educação (MEC) devem se atentar às Diretrizes Operacionais Nacionais e à Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para que possam definir sua estrutura de funcionamento.

Quer saber quão importante essa escolha pode ser no presente e quais impactos causa sobre o futuro? Continue a leitura de nosso artigo e entenda!

O que compõe o Sistema de Ensino

O Sistema de Ensino é uma estrutura abrangente na área educacional, que normaliza protocolos seguidos pela escola em se tratando de métodos, material didático, apoio pedagógico e soluções educacionais voltadas à facilitação do aprendizado de todos, bem como do trabalho dos professores.

Nele, além de haver um discurso pedagógico seguido que torna o ensino mais uniforme, o sistema adotado por cada escola vai de encontro a uma proposta que atenda às prioridades das famílias de estudantes.

Cada instituição, nos níveis municipal, estadual, federal e privado, tem autonomia para determinar qual Sistema de Ensino será adotado, desde que siga as normas estipuladas pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), do MEC.

Importância do Sistema de Ensino para aprendizagem

Embora os conhecimentos obtidos por cada aluno variem de acordo com suas experiências individuais e interesses, a sistematização busca tornar uniformes as oportunidades para que todos tenham níveis semelhantes de aprendizagem.

Dessa forma, a partir da definição de uma proposta pedagógica que contemple seu público-alvo, a escola, ao adotar um Sistema de Ensino, encontra oportunidades para que crianças e jovens se desenvolvam e desfrutem de todo o aprendizado com facilidade e renovação de saberes.

Em um Sistema de Ensino bem gerenciado, os materiais pedagógicos são constantemente atualizados e a equipe educacional recebe assessoria para coordenar aulas com excelência, tanto quanto treinamento para que esteja apta a lidar com cada nova geração de alunos.

Antes de escolher uma escola e um sistema para educar seu filho, é importante compreender que nesse âmbito não há certo nem errado, apenas modos diferentes de coordenar os estudos e de chegar a um fim semelhante.

Dito de outra forma, um amanhã de sucesso, seja ele ocasionado pela aprovação em um vestibular concorrido, pela carreira notável em uma profissão do futuro ou simplesmente pelo aprendizado de valores essenciais, é a finalidade de todos.

Clareza no projeto de educação

Escolas que seguem um Sistema de Ensino têm protocolos que facilitam a compreensão de seus objetivos e o próprio acompanhamento realizado pelos pais a fim de saberem se as propostas têm sido cumpridas no dia a dia.

Para que a família faça a sua escolha, é essencial que compreenda de que forma funciona a rotina da instituição de ensino e a quais disciplinas e metas atribuem maior importância em seu projeto pedagógico.

Em um colégio no qual haja curso pré-vestibular, por exemplo, conhecer o Sistema de Ensino dá transparência à percepção de quais estratégias serão utilizadas para que se conquiste a sonhada aprovação nos processos seletivos mais relevantes, como nos das principais universidades do Rio de Janeiro.

Diferenciais oferecidos pelo Sistema de Ensino

Está a decidir o melhor sistema para seus filhos e procura por critérios de desempate ao fazer a escolha da escola? Então, considere avaliar alguns dos diferenciais a seguir.

Material didático atualizado

Independentemente dos tipos de materiais escolhidos pelo colégio, a atualização dos conteúdos feita em frequência anual é a melhor forma de garantir que sejam capazes de acompanhar o grande volume de informações ao qual as crianças e jovens das novas gerações estão habituados.

Assim, tanto para livros pedagógicos, apostilas ou quaisquer outras ferramentas de ensino utilizadas em sala de aula, um sistema que procure inovar sempre é mais indicado.

Para aqueles que têm filhos adolescentes e desejam ajudá-los a passar no vestibular, a questão é de relevância ainda maior, já que provas como o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e demais processos seletivos universitários sempre levam temas contemporâneos a suas questões. Ano após ano, há novas prioridades e conhecimentos a se obter.

Serviços educacionais prestados

Além das atividades do dia a dia, nas quais se envolvem aulas em classe e alguns cursos extracurriculares, como idiomas e esportes, quais serviços educacionais a escola presta? Não se fala, nesse caso, exclusivamente a respeito dos estudantes.

Atualmente, por exemplo, o envolvimento na elaboração do Projeto Político Pedagógico e as orientações dadas à família sobre temas como esse e às mudanças na base curricular permitem que todos estejam mais envolvidos no processo da educação.

Em reuniões de pais, a assessoria prestada pelo Sistema de Ensino deve sempre prezar pela transparência, orientando seus filhos em um caminho sólido de aprendizagem.

Assessoria pedagógica

A assessoria prestada à equipe de uma escola ajuda professores, coordenadores, diretores e demais profissionais a se adaptarem ao Sistema de Ensino, bem como a exercitá-lo de forma coerente em sala de aula.

Com isso, aqueles que já trabalham há mais tempo no local atualizam seus conhecimentos ao participarem de eventos, reuniões, congressos e palestras. Já os que estão a ingressar, são assessorados para que toda a sua prática em sala de aula, com alunos e família, coincida com a proposta de ensino defendida.

Por meio de linguagem e métodos uniformes, o sistema ganha credibilidade e reconhecimento diante daqueles que estão no momento de fazer uma escolha.

Utilização de recursos tecnológicos

Embora recursos tecnológicos inovadores não supram um ensino de base de qualidade, é inegável que eles podem ajudar bastante o processo de aprendizagem e o próprio trabalho dos professores em sala de aula.

Assim, vale a pena dar mais atenção a instituições cujos sistemas empreguem a tecnologia a favor do contato entre pais e escola, como na divulgação de notas e comunicados, e, principalmente, nas estratégias usadas para educar crianças e jovens capazes de fazer a diferença.

Desses, é possível citar aplicativos educativos, portais, jogos, ferramentas de tecnologia feitas para sala de aula e muito mais.

Dá para entender o porquê do Sistema de Ensino ideal ser tão importante para o aprendizado de seus filhos, certo? Após avaliar todos os elementos englobados nele de acordo com o perfil do aluno que será matriculado, opta-se com mais sabedoria! Cada tipo, afinal, atende a expectativas e demandas próprias. Basta conhecer as suas e prezar, claro, pela qualidade da decisão.

Agora que você já sabe a importância da escolha do Sistema de Ensino, que tal assinar nossa newsletter para receber novos artigos sobre educação diretamente em seu e-mail?