Saiba quais são as melhores áreas de direito para seguir atualmente

Está no ensino médio e ainda não decidiu qual curso irá prestar para o vestibular? Com tantas opções, pode parecer difícil fazer uma escolha. Mas não entre em pânico! Vamos apresentar o curso mais popular dos últimos tempos: o direito.

De acordo com o Censo da Educação Superior, do ano de 2016, o direito é a graduação com o maior número de matrículas no Brasil, chegando a quase 870 mil estudantes. 

Esse curso é muito procurado devido às diversas opções de emprego — tanto na carreira pública quanto na privada — e à boa remuneração. Além disso, oferece um amplo leque de atuação, possibilitando que o profissional trabalhe em diversos segmentos.

Quer saber quais as áreas do direito estão em maior destaque atualmente? Então siga a leitura e confira!

Direito Penal

Se você gosta de séries e filmes policiais, já deve conhecer um pouco sobre o direito penal, não é mesmo? É nesse ramo que trabalham os famosos advogados do cinema e da televisão. 

Esse é o campo do direito que trata de todos os tipos de crime, como homicídio, tráfico de drogas, roubo e lesão corporal. A atuação do profissional de penal está relacionada à elaboração de defesa e acusação em processos de crimes e contravenções, seja de pessoa física, seja de pessoa jurídica.

Para quem quer se dedicar à advocacia, pode atuar na defesa dos acusados ou das vítimas. Já para aqueles que desejam seguir a carreira pública, os cargos são os de delegado e promotor, por exemplo.

O direito penal está em constante crescimento, especialmente devido às variáveis socioculturais e aos diversos crimes econômicos presentes na atualidade.

Direito Civil

Essa é uma das áreas do direito mais conhecidas e está relacionada à representação dos interesses individuais e particulares relativos a questões familiares, propriedades e bens. O advogado civil trabalhará com diversas questões, incluindo divórcio, partilha, sucessão e adoção.

O direito civil é bastante amplo e pode ser subdividido em direito de família, contratual, das sucessões, das obrigações, das coisas, dos bens e responsabilidade civil, por exemplo.

No âmbito privado, o graduado em direito poderá atuar como advogado autônomo, em escritórios de advocacia ou mesmo no setor jurídico empresarial. Na esfera pública, o profissional poderá prestar assessoria jurídica a juízes, desembargadores, promotores e procuradores, ou prestar concurso para defensor público.

As principais tendências no mercado do direito civil são a recuperação judicial, principalmente devido à crise econômica brasileira, e o contencioso civil, que está ligado aos problemas cotidianos, como disputas entre sócios e acionistas, marcas e patentes, e violação de contratos.

Direito Ambiental

Esse segmento do direito está relacionado ao acompanhamento de processos administrativos de licenciamento e infrações ambientais, além da participação em processos judiciais criminais e civis associados à legislação ambiental. Ou seja, o profissional atuará em assuntos relativos ao homem e ao meio ambiente.

O direito ambiental é um ramo bastante promissor, principalmente por causa das leis mais rigorosas e à maior preocupação com a natureza. O especialista da área poderá atuar como advogado autônomo, em ONGs ou no setor jurídico de empresas públicas e privadas.

Direito Empresarial

O profissional de direito empresarial exerce o seu trabalho defendendo sociedades empresariais e empresários, considerando os seus interesses corporativos, como marca, concorrência, patente, processos de recuperação de instituição e falência, além de elaborar estatutos sociais e contratos. Em resumo, esse segmento está relacionado às obrigações e aos direitos das empresas e dos empresários.

O especialista desse ramo ainda pode atuar na implementação de políticas de combate e prevenção à corrupção em empresas privadas. Essa é uma das principais tendências do setor junto à especialidade em fusões e aquisições.

Para seguir a carreira em qualquer uma das áreas do direito, é importante ter uma boa base educacional, desde as etapas iniciais de ensino. Logo, se você ainda está cursando o ensino fundamental ou médio, é hora de se concentrar nos estudos e se preparar para a graduação.

Agora que você já sabe quais são as principais áreas do direito e a importância de se dedicar desde o colegial, leia o nosso post sobre o novo ensino médio e saiba como se adaptar melhor à atual metodologia escolar.