Como lidar com a frustração do adolescente? Descubra!

Você deve se lembrar de que, quando era adolescente, frequentemente não sabia como lidar com a frustração. Hoje, a geração de seus filhos, tão jovem quanto a sua naquela época, experimenta transformações e sensações parecidas, que requerem um olhar mais paciente da família.

Frustrar-se, afinal, é a resposta para quando expectativas desenvolvidas não se concretizam ou somos privados de algum tipo de satisfação. Para aqueles que estão no começo da vida e ainda têm muito a entender sobre o mundo e sobre o funcionamento da sociedade, é uma emoção difícil de gerenciar.

Para ajudar seus filhos a lidarem com a questão e possibilitar que desenvolvam sua maturidade emocional, continue a leitura de nosso artigo!

Frustrações com a escola

Um dos primeiros locais onde é necessário lidar com a frustração é no ambiente escolar. Nele, desde a infância, os estudantes precisam aprender mais sobre o convívio em grupo e são submetidos à avaliação de seus professores em relação ao comportamento e ao desempenho que apresentam.

Nesse contexto, é importante explicar a seus filhos que nem sempre precisam ter as melhores notas em suas tarefas e não há problema se, às vezes, tiverem mais limitações para aprender uma nova matéria. A dificuldade de aprendizagem, afinal, embora incômoda, é comum e há como tomar as medidas necessárias para tratá-la.

Outro evento de destaque, na adolescência, é a expectativa para entrar em uma universidade. Em se tratando do tema, a dica é evitar pressionar o jovem para fazer uma escolha e ajudá-lo na preparação para o vestibular. Deixe claro que, embora o sucesso não seja garantido em uma primeira tentativa, com dedicação e disciplina dá para alcançar a vaga dos sonhos.

Frustrações com o corpo e a autoestima

Na adolescência, devido às mudanças vividas pelo organismo e à grande oscilação hormonal natural de seu desenvolvimento, os adolescentes podem ter frustrações relacionadas à sua forma física que impactam diretamente a autoestima.

Para ajudá-los, é fundamental orientar o jovem a ter paciência e a entender quão especial é a fase pela qual seus corpos passam até se tornarem adultos. Destaque que eles não devem sentir vergonha de quem são e que quaisquer comparações com os colegas são prejudiciais, já que cada pessoa é única.

Frustrações com a família

Aprender a lidar com a frustração na família é um passo determinante para ter um desenvolvimento emocional mais sadio. Assim, desde cedo, imponha controle e mostre às crianças que nem todas as suas vontades podem ser atendidas.

Orientar e determinar limites, sem criar uma atmosfera excessivamente arbitrária, é o segredo para que seus filhos, pouco a pouco, entendam até onde podem ir, respeitando os demais indivíduos ao seu redor.

Frustrações com os relacionamentos

As amizades e o namoro na adolescência são questões que contribuem para o amadurecimento emocional e, diante disso, também proporcionam sua cota de frustrações.

Assim, vale a pena conversar com seus filhos sempre e reforçar que, ao lidar com os sentimentos de outras pessoas, eles não conseguem ter controle de tudo. Estimule sempre a honestidade, o respeito e a empatia, de modo que brigas e até mesmo términos não se tornem situações traumáticas, mas naturais.

Entender como lidar com a frustração, na adolescência, pode ser desafiador devido à quantidade enorme de mudanças experimentadas nessa fase da vida. Contudo, essa fase é essencial para desenvolver a maturidade e se tornar um adulto mais sereno, com inteligência emocional. Assim, é possível ter autoestima, sucesso na carreira e relacionamentos felizes.

Gostou deste artigo e deseja ler mais sobre temas como este? Então, aproveite para assinar nossa newsletter e receber novos conteúdos em sua caixa de entrada!