Como atividades extraclasse ajudam na formação de seu filho?

 

A fase escolar é um período de intenso aprendizado para crianças e jovens. Isso se aplica não somente à sala de aula, mas também aos espaços além dela, como aqueles em que atividades extraclasse são realizadas.

As opções são muitas e dialogam com as preferências de cada estudante. Há aqueles, por exemplo, que querem estar em todos os times de esportes. Outros são encantados por dança, música, teatro, desenho. Aos mais tecnológicos, hoje em dia, há robótica, computação e programação.

Para saber como as atividades extraclasse podem ajudar na formação e na motivação de seu filho, conheça mais sobre algumas delas e os benefícios que proporcionam a seguir!

Música

Durante aulas musicais, os jovens desenvolvem coordenação motora e têm contato direto com partituras e novos instrumentos. A partir deles, aprendem habilidades diferentes das conhecidas em sala de aula e entram em contato aprofundado com sua criatividade.

As atividades de música são bastante indicadas aos mais tímidos, que encontram nessa arte uma forma de se expressarem. Dentre opções que têm feito a cabeça de crianças e adolescentes por meio de vídeos e divulgação nas redes sociais, há o popular violão e o havaiano ukulele, bem como aulas de canto.

Novos idiomas

Atualmente, oferecer a seu filho o incentivo de conhecer uma nova língua é uma forma de pensar no futuro acadêmico e profissional dele. Em um futuro próximo, isso pode abrir uma porta de entrada para o vestibular ou para um intercâmbio de estudos.

Além disso, é dar a ele a oportunidade de estar em contato com novas culturas, melhorar a memória e potencializar o aprendizado lógico. Àqueles que têm dificuldades já detectadas em seu idioma de origem, a nova opção pode surpreender ao ampliar a capacidade linguística. Inglês e espanhol são os mais populares, mas nada impede que também se invista em francês, italiano ou, quem sabe, japonês. Desafiador, não?

Teatro

As atividades extraclasse de teatro envolvem conexão com o que há de mais expressivo em cada pessoa. Nelas, tanto as crianças extrovertidas quanto as mais tímidas melhoram consciência corporal, respiração, retórica, imaginação e, em muitos casos, devido ao contato com o texto da peça, acabam se interessando também por literatura.

Robótica

A tecnologia está cada vez mais presente na vida das novas gerações desde a infância. Pensando nisso, a robótica é uma opção de atividade em que, além de estarem próximas de ferramentas que já dominam e adoram, as crianças também aperfeiçoam lógica, raciocínio e habilidade de desenvolvimento.

Esportes coletivos

Modalidades como futebol, vôlei, handebol e basquete frequentemente estão entre as principais atividades extraclasse. A razão, afinal, é fácil de compreender. Além de serem esportes muito benéficos para a saúde física, inclusive a quem está em fase de crescimento, eles ensinam muito sobre cooperação e trabalho em grupo. Com isso, os alunos melhoram força, resistência, velocidade, equilíbrio, flexibilidade e ainda fazem novos amigos, respeitando o espaço de cada um.

Não é difícil se convencer de que as atividades extraclasse auxiliam a formação de seu filho, certo? Contudo, para escolher uma opção ou mais de uma, é importante conversar com ele, em um diálogo de família, para ter certeza de que a alternativa é algo que ele realmente deseja começar. Assim, evita-se qualquer sobrecarga ou desgaste na rotina e em seu desenvolvimento saudável.

Se estiver a considerar especialmente os esportes, leia nosso artigo sobre como os exercícios físicos ajudam nos estudos para ter mais razões ao propor essa opção!